sábado, 26 de março de 2011

Técnica torna célula-tronco de dente tão boa quanto embrionária


O laboratório de genética do Instituto Butantan, órgão da Secretaria da Saúde de SP, desenvolveu uma técnica que abre caminho para o tratamento de várias doenças - como doenças motoras, imunológicas, de regeneração de ossos e nervos, na reconstrução de células dos músculos, cartilagem e outros tecidos, e enfermidades psiquiátricas. A técnica se constitui em reprogramar células extraídas de dente de leite, tornando-as capazes de criar qualquer célula e tecido.

A pesquisa demonstrou que as células-tronco adultas da polpa de dente de leite podem ter a mesma versatilidade de células-tronco embrionárias, retiradas de embriões de poucos dias. "É como se conseguíssemos pegar uma célula de uma flor e a transformássemos novamente em muda, capaz de originar qualquer parte da flor. Com a descoberta nos igualamos a países desenvolvidos que trabalham com pesquisas de ponta", explica Irina Kerkis, do laboratório de genética do Butantan.

Antes, entre os países desenvolvidos, somente a China desenvolvia pesquisas de ponta nesta área. Outro benefício da técnica é que ela não é invasiva, além de ser mais rápida e barata que outros métodos.


Fonte: Terra Notícias

1 comentários:

Jorge Luis disse...

Olá, achei seu blog por acaso quando procurava para material de estudo sobre teologia, patrística, iconografia, epigrafia, arqueologia bíblica, etc.

E acredito que você possa se interessar por esses blogs

http://patristicabrasil.blogspot.com/, história e patrística da igreja do século I ao VIII, todo em português.

http://iconografiascristas.blogspot.com/, Ícones antigos da igreja.

http://angelusexverum.blogspot.com, que pretende comprovar verdades da Igreja Católica a partir de achados arqueológicos.

Postar um comentário